Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

POR QUE SER DIZIMISTA?

Ser dizimista é contribuir diretamente com a evangelização. Partilhar não só o dinheiro, mas toda a vida, que colocada no altar do Senhor gera frutos na vida dos irmãos.

O dízimo não é uma invenção do homem e nem da Igreja, ele é uma resposta do coração do homem à imensa bondade de Deus. Ser dizimista é um ato de gratidão e louvor a Deus que nos faz felizes em seu amor.

Quando se devolve o dízimo se reconhece toda a graça derramada em nossa vida e com alegria partilhamos os dons recebidos com os irmãos. Por isso, você não paga o dízimo, você faz a devolução, reconhecendo que esta importante parte deve ser investida na evangelização, ou seja, na instauração do Reino de Deus no mundo.

PARA ONDE VAI O RECURSO DO DÍZIMO?

Dimensão religiosa

O dízimo deve suprir com recursos, todas as necessidades, direta ou indiretamente, ligadas ao culto e a seus ministros. Gastos com o templo, construção e manutenção, salário dos funcionários, encargos, energia elétrica, água, telefone, impressos, paramentos litúrgicos, velas, vinhos, hóstias, equipamentos de som, áudio visuais, etc.

Dimensão social

O dízimo deve suprir as necessidades dos irmãos mais necessitados da comunidade, atendidos pelas pastorais sociais.

Dimensão missionária

O dízimo deve sustentar financeiramente as ações de evangelização da comunidade exercidas fora do território da paróquia. Ajuda a cúria, ao seminário e as missões de um modo geral.

COMO FAÇO PARA DEVOLVER O MEU DÍZIMO?

Você deve primeiro fazer seu cadastro. Este pode ser feito nos plantões do Dízimo, antes e após as Missas, na secretaria ou aqui pelo site. Feito o cadastro, a Pastoral do Dízimo entrará em contato e receberá o carnê. Todos os meses este carnê deve ser depositado nas urnas do ofertório ou entregue na secretaria, é importante que preencha as informações que constam na frente do carnê para controle e anotações.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail